sábado, abril 11, 2009

Há um ano...





Há um ano atrás, começava a maior aventura da minha vida. Por mais que ouvisse, lesse e tentasse ver em todo o lado, nada me preparou para a confusão de sentimentos que eu passei a sentir a partir deste dia... felicidade, medo, alegria pânico entre outros começaram a fazer parte do meu dia-a-dia. Há tantas pessoas a quem eu quero agradecer, por estarem comigo nesta fase:
- Obrigado, Joana por não me três deixado sozinha naquela quarta-feira;
- Obrigado mãe e pai, por terem ido logo ter comigo;
- Obrigado aos meus sogros, por não me terem desamparado;
- Obrigado ao João por não me deixar um so minuto;
- Obrigado aos meus amigos e irmãs e sobrinhos que estavam ansiosamente às espera.
Porém depois de agradecer a tanta gente, há um OBRIGADO muito especial que eu NUNCA poderia deixar de dar. Dizem que os últimos são sempre os primeiros, e mesmo por isso esta pessoa em particular ficou para o fim.
- OBRIGADO Zélia, pela tua paciência infinita em correres comigo os corredores, enquanto eu esperava em pânico, sem saber o que me ia acontecer. OBRIGADO pelo teu amor incondicional que nunca me deixou fraquejar e sempre me ajudou a encontrar mais forças. OBRIGADO por não me teres deixado sozinha, mesmo sabendo que era uma altura complicada no teu trabalho. E apesar de as coisas ás vezes serem um pouco esquisitas, acredita que nunca, mas nunca faria nada para te deixar ficar mal, não a ti que sempre me estendeste a mão, e se eu não soube corresponder a esse apoio, peço desculpa não era minha intensão. Há um ano, o sol não ficou mais brilhante, a lua não rodou três vezes, os rios não ficaram mais azuis, nem o arco-íris conheceu uma nova cor. Há um ano aconteceu o mais maravilhoso milagre na minha vida. TU MAFALDA
Filha: que um dia tenhas toda a sorte do mundo, que sejas linda e inteligente como as tuas primas, que tenhas a genica e a sede de viver dos teus primos. Tu, filha serás uma vencedora! A mãe adora-te!!!!
Parabéns filhota!!!

Bejos

Patrícia

3 comentários:

Rogério Charraz disse...

Está Linda a Mafalda! Também só podia, nasceu no seio de uma família de gente linda!!!

Beijos com muitas saudades...

PS: Um dia destes eu chego...

Feliz disse...

Muitas felicidades para todos, gosto de vos ver assim. Bjs

Sara Oliveira disse...

Nem que lêssemos todos os livros, nunca iríamos perceber!! Só quem é mãe percebe... Agora, podemos dizer que sim e achar todo aquele pânico exagerado, mas a realidade é que na altura em que carregamos os nossos filhotes dentro de nós mil e uma coisas nos passam pela cabeça e a única coisa que queremos é vê-los perfeitinhos. Muitas felicidades aos meus amores, e um beijinho enorme para a Mafaldinha...és linda!!