quarta-feira, dezembro 28, 2011

Balanço



2011 está a chegar ao fim e como sempre toda a gente faz o tradicional balanço do ano, e eu não sou excepção.
Este ano foi um ano terrível, que começou mal e que graças a Deus está a terminar bem melhor.
Principalmente foi um ano de derrotas pessoais, onde algumas perdas importantes me fizeram perceber que devia dar mais importância a coisas que não dava.
Apesar de ter realizado alguns desejos, não foram suficientemente bons para considerar o ano minimamente "bom".
Espero sinceramente que o ano de 2012, apesar da crise monumental que se esta a abater sobre o país, seja um ano de esparnça, de realizções. Um ano em que todos aquleles que gurdo bem guradadinhos no meu coração consigam realizar as suas apirações, que a sorte e a saúde os encontrem e permaneçam, que se acabem as intrigas, as mentiras, as constantes decepções que todos estamos a viver neste momento.
Que o meu ano de 2012 seja o ano em que tenha a coragem de realizar os meus sonhos, em que tenha coragem de arriscar sem medo de cair, que consiga pular e voar sem morrer na praia...
Desejo a todas as pessoas especiais para mim a realização de todos os vossos sonhos, aspirações, desejos.
Desejo que todos encontrem o vosso caminho e que a viagem seja um pouco menos acidentada do que tem sido até agora.
Desejo que sejam felizes.

Feliz 2012!

P.

Sem comentários: